quinta-feira, 28 de julho de 2016

Cesta resistente para bicicleta #1 - Dicas pro ciclista urbano

Uma das coisas mais úteis para quem usa a bicicleta no dia dia é a cesta. Quem já precisou prender sua bolsa/mochila em alguma parte da bicicleta já percebeu isso.

Se você ainda não usa ou não experimentou não sabe o que está perdendo!

Bem, por ter vivido muito essa necessidade e aproveitando a série de artigos com dicas para o ciclista urbano resolvi dar dicas sobre as cestas.

Na verdade eu pretendia apenas mostrar as soluções que uso hoje, mas acabei decidindo dividir o artigo em dois, pois eu já experimentei praticamente todas as possibilidades.

Nesta primeira parte eu vou mostrar os modelos que mais se usa (não pretendo mostrar todos os modelos do mercado) e num outro artigo complementar eu vou mostrar então as soluções que utilizo atualmente.

1) Modelo "padrão" de arame/ferro


Este é modelo mais utilizado e o mais fácil de encontrar em qualquer loja de bicicleta. Este é o modelo que menos indico, porque dura pouco.

Cesta de arame "padrão"
Cesta de arame instalada


Vantagens:
Fácil de encontrar e instalar
Possui em mais de um tamanho (a grande cabe bastante coisa)

Desvantagens:
Muito frágil e de muito baixa qualidade, não aguenta carga e enferruja com muito pouco tempo de uso. Eu já tive 3 dessas e se deteriorava e empenava com extrema rapidez. Logo porpcurei outras alternativas e nunca mais as uso.

2) Modelo retrátil presa no guidão
Existem alguns modelos de cestas que se prendem no guidão: as de ferro, as de vime (considero aqui inclusive as que imitam vime) e as de tecido.
Também já experimentei por um tempo e tenho conhecidos que usam cestas com este sistema. O principal problema dele é que serve mais para enfeite do que para uso no dia dia, pois são frágeis e não suportam peso. Muito rapidamente o sistema que as prende no guidão quebra ou cede. Não as indico para quem usa bicicleta diariamente como transporte.

Vantagens:
Sendo retrátil é fácil de usar como uma cesta manual.

Desvantagens:
Não suporta peso e rapidamente o suporte cede. Não indico para quem quer usar no dia a dia.

2.1) De arame/ferro
De um modo geral elas se deterioram como as de ferro padrão, mas existem boas marcas que possuem cestas com este sistema, como as TOPEAK, mas é bem caro e apesar de tudo também não suportam peso.

Cesta de arame com suporte para guidão

Cesta TOPEAK com suporte no guidão
Cesta TOPEAK com suporte no guidão

2.2) De vime
Se forem de vime, com o tempo apodrecem com as intempéries. As de plástico resistem mais. Elas tem estilo do que utilidade, pois não possuem um bom tamanho e também são frágeis.

Cesta de vime com suporte no guidão


2.2) De tecido
Quando vi pela primeira vez achei bem legal e comprei duas. Ambas tiveram o mesmo problema com o suporte, que cedeu rápido. Uma delas (a que era mais utilizada e carregava mais peso) teve o suporte metálico quebrado. Ou seja, é "bonitinha" mas "não presta".

A TOPEAK possui modelos de tecido de boa qualidade, mas também são caras e sofrem o mesmo problema em relação ao suporte e não aguentam peso.

Cestas de tecido com suporte no guidão

Cesta de tecido instalada no guidão


3) Modelo "padrão" de plástico


Este também é um modelo bastante fácil de encontrar em lojas de bicicleta, e o sistema é o mesmo das cestas "modelo 1", mas se por um lado não enferrujam, por outro o plástico logo se qubra com pouco uso. Além de tudo são pequenas e também não aguentam peso.

Cesta de plástico

Cesta de plástico instalada

4) Outros modelos
Bem, há ainda outros dois modelos que julgo ser útil citar, embora não sejam muito comuns nem fáceis de encontrar, faço questão de citá-los pela qualidade.

4.1) NIRVE
Esta é uma cesta de ótima qualidade, bom tamanho e que aguenta o "tranco" no dia a dia. Eu não uso, mas tenho dois amigos que usam há muito tempo e recomendam. E eles são hard users! Embora cara e difícil de encontrar, vale à pena.

Cesta NIRVE

4.2) Sistemas da DECATLHON
Eu já falei muitas vezes aqui que gosto desta loja, pela sua concepção e pelos produtos sempre de boa qualidade e preços justos. Pois bem, eles possuem uns sistemas de cestas que funcionam em conjunto com seus bagageiros e são de ótima qualidade.

Cesta DECATHLON sistema B'CLIP

Bagageiro DECATHLON sistema B'CLIP

Cesta DECATHLON sistema B'CLIP instalada


É o B'CLIP, um sistema em que cestas, bagageiros e alforjes se encaixam entre si de forma que seja fácil a colocação e retirada.

Sua disponibilidade é sazonal, mas é um dos sistemas que mais gosto e indico, para mim a melhor relação custo benefício do mercado.

5) Adaptações


Bem, estas são as que eu mais gosto! Risos. Na verdade estas adaptações é que motivaram a fazer o artigo, mas acabei dividindo ele em 2 para não ficar longo.

Então esta será o tema do próximo artigo!

Para abrir esse canal procure pelo marcador "Dicas pro ciclista urbano".

Até o próximo...

3 comentários:

  1. Muito legal essa série de dicas para o ciclista urbano!

    Aliás, sinto muito falta de uma cestinha, sua experiência caiu como uma luva na avaliação da minha necessidade.

    Obrigado! Aguardarei a parte 2.

    Abs

    ResponderExcluir
  2. Muito legal essa série de dicas para o ciclista urbano!

    Aliás, sinto muito falta de uma cestinha, sua experiência caiu como uma luva na avaliação da minha necessidade.

    Obrigado! Aguardarei a parte 2.

    Abs

    ResponderExcluir
  3. Obrigada pelas dicas. Apaixonei pela cesta NIRVE. Já vou procurar aqui na minha cidade. ��

    ResponderExcluir

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...